domingo, 31 de outubro de 2010

É meu e eu gosto dele assim

O meu pai sabe que ando com este trabalho pelos cabelos e que já estive mais longe de mandar tudo às urtigas. Hoje (já é ontem, que o raio das horas passam a correr no fim-de-semana) entregou-me o caderno de empregos do Expresso com uma cruzinha a assinalar os anúncios da minha área, pedindo-me apenas para verificar se os que vêm em Inglês interessam, já que ele não percebe nada da língua de Shakespeare. Tenho uma mãe que se a deixarem me deforma as bochechas com tantos beijos, e um pai que arranja estas formas pouco convencionais de demonstrar o carinho que sente.

7 comentários:

Gelatina de morango disse...

Que querido! Também tenho a sorte de ter uns pais assim, é tão bom =)!

Anónimo disse...

Eu também (:
Tens muita, muita sorte!

Fiona disse...

E não é delicioso?

Os meus pais também são assim e sabe tão bem :)

Kika disse...

Muito útil. E para mim, uma excelente forma de mostrar amor :)

Roxanne disse...

melhores demonstracoes que as de carinho e preocupaçao nao ha!

Poetic GIRL disse...

Foi a forma que ele encontrou de expressar o seu amor, lindo! bjs

Olhos Dourados disse...

:)